Ingredientes

 

AMAZÔNIA

AMAZÔNIA

Nesse paraíso verde de águas generosas, encontramos uma grandiosa biodiversidade dentro da maior concentração de floresta tropical do mundo.

Em sua composição de paisagens deslumbrantes, que reina majestosa a Vitória-Régia, serena e bela representando a estrela das águas.

 

INGREDIENTE: VITÓRIA-RÉGIA

A estrela das águas da Amazônia. Esta majestosa flor, que só floresce à noite, espalha sua fragrância cativante pelas águas da Amazônia. Singular, suas pétalas se transformam do branco ao rosa intensificando seu perfume floral aquático. Efêmera, ela se despede após dois dias, dando lugar a uma nova flor, bela e cheia de vida.

 

 

 

 

CAATINGA

O denso tapete de terra batida carrega em si a esperança da fartura trazida pela água nos raros períodos chuvosos. Contado em cordéis pelos artistas nordestinos, suas narrativas remontam as histórias de bravo povo que vê a vida acontecer no florescer do Mandacaru, a mais típica árvore da região.

 

 

 

 

 

 

INGREDIENTE: MANDACARU

O desabrochar das gigantes flores que nascem deste cacto anuncia a chegada da chuva, trazendo mais alegria para a população e mais vida para a natureza. É graças a sua surpreendente capacidade de armazenar água que o Mandacaru sobrevive no nordeste do Brasil. Em outras palavras, um verdadeiro símbolo de força e esperança. Linha Mandacaru. O surpreendente poder de hidratação da natureza.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

CERRADO

Nas vastas savanas que colorem o coração do País, acontece o encontro entre os rios Tocantins, São Francisco e Prata. Nesse território de paisagem particular, respira o Cerrado brasileiro enfeitado de segredos nativos, árvores de copas frondosas, frutas açucaradas, fauna vigorosa e fantásticos entardeceres. Aqui encontramos a deslumbrante árvore do Jenipapo, cujos galhos abrigam histórias da região.

 

 

 

INGREDIENTE: JENIPAPO

Nesse cenário suntuoso floresce a árvore majestosa do Jenipapo, com grandes flores ensolaradas e radiantes pétalas douradas, que iluminam a paisagem e perfumam o ar com uma fragrância floral-frutada.

Ela foi a inspiração de L’OCCITANE AU BRÉSIL para a linha Jenipapo, com extrato dessa flor do Cerrado, que hidrata, repara e protege o cabelo e a pele.

 

 

MATA ATLÂNTICA

Localizada na costa leste brasileira, especialmente junto ao litoral das regiões sudeste e sul do país, a Mata Atlântica contempla uma das áreas mais ricas em biodiversidade do mundo. É um verdadeiro mosaico de vegetações nativas: estima-se que hoje existam 20 mil espécies de árvores, de médio e grande porte que formam uma densa floresta fechada e também áreas mais abertas em altitudes mais elevadas. É nesta paisagem que as bromélias se desenvolvem, contribuindo para a manutenção da diversidade biológica deste bioma.

 

 

INGREDIENTE: BROMÉLIA

A Bromélia Imperial é uma das espécies de bromélias que ocupam encostas e vales de relevo irregular da Mata Atlântica brasileira.

Com seu tamanho grandioso, pode ser vista em grandes quantidades cobrindo intensos paredões rochosos. Nativa do Brasil, as bromélias são bastante resistentes, capazes de sobreviver em ambientes adversos, com temperaturas variadas.

 

 

MATA DAS ARAUCÁRIAS

Entre uma das lendas da região, conta-se que a Gralha-Negra estava descansando em um galho de Araucária, quando se surpreendeu com o som agressivo dos golpes de um machado na árvore. Procurando não ver o que estava acontecendo, a Gralha-Negra voou triste ao encontro das altas nuvens.

No céu, recebeu a ordem de retornar à Mata revestida por um azul celeste que a tornaria responsável por plantar Araucárias. Diante de tal pedido, retornou como Gralha-Azul, colhendo os pinhões das árvores e escondendo-os na terra, dando vida a um novo broto.

 

INGREDIENTE: ARAUCÁRIA

O reinar absoluto da araucária, que encanta toda a floresta deu origem à linha de fragrâncias masculinas Araucária de L'OCCITANE AU BRÉSIL, em criações que combinam o frescor das matas com suas notas aromáticas verdejantes.